Nota de Repúdio às ações violentas sofridas por professores no Paraná

Postado por ANPOLL Secretaria em 30/ago/2018

Hoje, Professores em todo o Paraná protestaram e relembraram o 30 de agosto de 1988. Há 30 anos, em Curitiba-PR, o então governador Álvaro Dias autorizou que a cavalaria da Polícia Militar usasse cães e bombas de efeito moral para dispersar violentamente docentes em greve que protestavam na Praça Nossa Senhora da Salete. O lamentável episódio se repetiu em 29 de abril de 2015, na mesma cidade, quando o ex-governador Beto Richa permitiu que a Polícia Militar também praticasse ações violentas contra os professores em greve na praça do Palácio Iguaçu.  A ANPOLL repudia cada um desses ataques e, ao rememorar esses acontecimentos, espera que essa violência nunca mais seja reproduzida, uma vez que o Professor é a base do conhecimento e merece ser respeitado.