VIII Congresso Nacional de Pesquisa em Literatura e XXII Seminário de Estudos Literários

21 de julho de 2021 / Comentários desativados em VIII Congresso Nacional de Pesquisa em Literatura e XXII Seminário de Estudos Literários

Destaques Menores Eventos Menores

20 a 22 de setembro de 2021

A literatura e o fim do mundo

O fim do mundo ou o fim de certo mundo, como se sabe, é um tema central da literatura. Está em romances como Não verás país nenhum, de Ignácio de Loyola Brandão. Em peças de Samuel Beckett, como Fim de partida: “É isso mesmo, está na hora disso acabar”, diz-nos a personagem Hamm em seu início. É tema de séries como Black Mirror, de filmes como Mad Max, com seus desertos e a competição brutal de milícias por gasolina. Já no século XIV, dez jovens burgueses fogem para o campo deixando uma praga letal para trás, no Decamerão, de Giovanni Boccaccio. Mais recentemente, há distopias com zumbis ou cadáveres que perambulam pelas ruas de Incidente em Antares, de Érico Veríssimo: “A troco de quê Deus havia de começar o Juízo Final logo neste cafundó onde Judas perdeu as botas?”, afirma o padre Gerôncio. Propõem-se catástrofes climáticas que são, por vezes, reencenações do dilúvio bíblico. Há guerras e extermínio, como em O Enteado, de Juan José Saer. São obras que não deixam de assinalar a precariedade e a violência de um mundo com o aceno por vezes cínico a outro que se institui em seu lugar.
Georges Minois, em sua História do futuro, lembra-nos da variedade de fins anunciados e de que nem sempre o importante é a exatidão da predição, porém certo papel de terapia social ou individual que há na antecipação ou decretação do fim. O que importa não é saber o que vai acontecer, mas de algum modo produzir algo que cure, alivie ou estimule a ação. No âmbito da literatura, são distopias que sugerem eventualmente o fim do próprio fazer literário, como se coubesse à literatura uma relação com o desaparecimento, que pode ser o do mundo, de sua linguagem ou da própria forma de contar, como em Fahrenheit 451, de Ray Bradbury, que trata de uma sociedade na qual os livros são incinerados. Não seria novidade, assim, pensar a literatura confrontada com essa dimensão negativa, que é considerar a própria ausência da literatura, o seu limite, a sua morte. Faz que esse fim, ou certa relação com o fim, coincida com o movimento de interrogar a si mesma tanto quanto a própria ordem na qual, mal ou bem, vige.
Este congresso é a possibilidade de tentar pensar esse fim, pensar as formas pelas quais esse fim surge na literatura, e que pode ser, caso queiram, a da esperança.

O VIII CONGRESSO NACIONAL DE PESQUISA EM LITERATURA é uma realização do Programa de Pós-Graduação em Letras (PPG-Letras) do Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE) da Universidade Estadual Paulista (UNESP), câmpus de São José do Rio Preto. O evento reúne professores e pesquisadores brasileiros que desenvolvem estudos nas áreas de teoria e crítica literária em seus diversos campos, como a literatura comparada, as literaturas clássicas, a literatura brasileira e outras literaturas vernáculas, as literaturas estrangeiras modernas e as relações entre literatura e outras artes, entre literatura e tradução, entre literatura e adaptação etc.

O XXII SEMINÁRIO DE ESTUDOS LITERÁRIOS (XXII SEL), evento anual do PPG-Letras, oferece aos alunos dos cursos de Mestrado e Doutorado a oportunidade de debater suas pesquisas em andamento com professores convidados especialmente para essa finalidade. Visa-se, por meio desse debate, proporcionar aos alunos a possibilidade de aprimorarem sua reflexão a partir das sugestões de pesquisadores mais experientes. As mesas de debate são compostas por professores convidados, que efetivamente debatem os trabalhos com os alunos, e por alunos de pós-graduação do próprio Programa, que atuam como moderadores. A participação de alunos ingressantes no debate de trabalhos é obrigatória, conforme Instrução Normativa.

Devido às circunstâncias de distanciamento social, tomadas como medidas preventivas contra a disseminação da Covid-19, o VIII Congresso Nacional de Pesquisa em Literatura e XXII Seminário de Estudos Literários terão suas respectivas atividades oferecidas em formato virtual.

Eixos temáticos
Os trabalhos podem estar inseridos no eixo temático do evento – A literatura e o fim do mundo – ou em outros eixos temáticos:

– A literatura e o fim do mundo
– Literatura Brasileira
– Literatura Portuguesa
– Outras Literaturas Vernáculas
– Literaturas Estrangeiras Modernas
– Literaturas Clássicas
– Literatura Comparada
– Literatura e Ensino
– Literatura e Estudos Culturais
– Literatura e Imprensa
– Literatura e Gênero
– Literatura e Outras Artes
– Literatura e Adaptação
– Literatura e Tradução
– Literatura Fantástica
– Teoria e Crítica Literária

Datas importantes:
– Recebimento das inscrições de comunicação e painel: até 20 de agosto. As cartas de aceite serão enviadas até 27 de agosto.
– Pagamento das inscrições de comunicação e painel: até 03 de setembro.
– Recebimento e pagamento das inscrições de ouvintes: até 17 de setembro.
– Recebimento de textos para debate (exclusivo para alunos do PPG-Letras UNESP/IBILCE): até 20 de agosto.

Mais informações:
https://www.ibilce.unesp.br/#!/pos-graduacao/programas-de-pos-graduacao/letras/congresso-e-sel-2021/apresentacao/