DIA NACIONAL DA SAÚDE CAPES financia pesquisa que avalia bem-estar dos brasileiros

9 de agosto de 2021 / Comentários desativados em DIA NACIONAL DA SAÚDE CAPES financia pesquisa que avalia bem-estar dos brasileiros

Destaques Menores Notícias CAPES

Estudo conduzido pela pós-doutoranda Prisla Ücker Calvetti é financiado pelo Programa de Combate a Epidemias

Estudo inédito no Brasil realizado pelo Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA) investiga o bem-estar de adultos brasileiros na pandemia de COVID-19. A partir de um questionário digital, o estudo avalia o estilo de vida das pessoas, analisando questões como qualidade do sono, alimentação, exercícios físicos, lazer, espiritualidade, ansiedade, depressão e estresse. A meta é ter um diagnóstico abrangente da realidade brasileira, para verificar o estado de saúde mental e física do brasileiro, assim como as suas potencialidades.

 

Conduzida por Prisla Ücker Calvetti , bolsista de pós-doutorado da CAPES, sob orientação de Caroline Tozzi Reppold, coordenadora do Laboratório de Pesquisa em Avaliação Psicológica da UFCSPA, a pesquisa é vinculada ao Edital 12/2020 do Programa de Combate a Epidemias da CAPES, na área de Telemedicina e Análise de Dados Médicos. O estudo segue em conformidade com o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 3 (ODS 3), da Organização das Nações Unidas (ONU).  A coleta de dados é feita por um survey online e estará em andamento entre os meses de julho e agosto de 2021 no link https://forms.gle/6RMVbiNASax2E46RA.

 

Com isso a equipe pretende contribuir com estratégias de prevenção em saúde mental e promoção do bem-estar de adultos brasileiros. “Estamos observando que a pandemia parece ter abalado profundamente algumas pessoas. Entretanto outras já conseguiram enfrentar as adversidades e toda a dinâmica complexa desta doença mundial de uma maneira um pouco mais positiva”, explica Calvetti.

 

Dia Nacional da Saúde

Celebrado em 5 de agosto, o Dia Nacional da Saúde tem o objetivo de conscientizar a sociedade brasileira sobre a importância da educação sanitária. A data também homenageia a vida e o trabalho de Oswaldo Cruz, médico sanitarista nascido nesse dia, em  agosto de 1872, e um dos principais responsáveis pela erradicação de epidemias que assolavam o Brasil no período compreendido entre o final do século XIX e início do XX.

 

Oswaldo Cruz criou o Instituto Soroterápico Federal, atualmente conhecido como Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e foi um dos fundadores da Academia Brasileira de Ciências.

 

Programa Combate a Epidemias

Tem a finalidade de incentivar estudos voltados à prevenção e ao enfrentamento da COVID-19 e outras doenças, com aporte de  até R$200 milhões previstos para quatro anos de execução. Sua estruturação  é baseada em duas dimensões: Ações Estratégicas Emergenciais Imediatas e Ações Estratégicas Emergenciais Induzidas em Áreas Específicas. Em três editais, 109 projetos de pesquisa e formação de pessoal foram selecionados e contam com a participação de 1.248 pesquisadores.

 

 

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) é um órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC).
(Brasília – Redação CCS/CAPES)